Justiça mantém condenação a radialista por injúria a ex-prefeito

A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba negou o recurso do apresentador Alberto Vilar de Sousa, que comanda o programa de rádio “Os Segredos de Sumé”, e manteve a condenação por crime de injúria e difamação, informou o PB Agora, na última quinta-feira (28/2).

O autor do processo, o então prefeito Francisco Duarte da Silva Neto, alega que o radialista denegriu sua imagem perante a sociedade local. Durante uma gravação, Vilar teria feito comentários como “…mas ele liga pra lei? …a lei é ele! Ele faz o que ele quer! …ele não tá nem ligando para lei… a lei é ele… ele desmoraliza a justiça toda semana…”.

O radialista, no entanto, diz não ter tido a intenção de injuriar o ex-prefeito e que tudo não passou de uma injustificada animosidade política.

Segundo o relator o caso, João Benedito da Silva, os argumentos da apelação não procedem. “O acusado, ao se dirigir a vítima através da rádio, se excedeu nos termos proferidos conta ele, atingindo sua honra subjetiva, o que parece ter sido prática corriqueira ao longo de vários anos”, avaliou o magistrado.

Fonte: Portal IMPRENSA
Reações:

Nenhum comentário:

Claro leitor seu comentário será analisado antes de ser publicado.

Seu comentário não pode ter:
*Palavras ofensivas;
*Frases que indiquem a promoção ou a despromoção pessoal;
*Desqualificação intencional a esse blog;

Quaisquer duvida deve ser encaminhada a nossa redação através da pagina contato com preenchimento obrigatório dos dados pessoais

| Copyright © 2013 Radiofusores Fm.com