Radialista que fingiu ser rainha, abre processo contra rádio australiana

A apresentadora Mel Grieg abriu um processo contra emissora de rádio que trabalha, a 2dayFM, que pertence ao grupo de comunicação Sothern Cross Austereo, alegando que a empresa não garante a sua segurança no local de trabalho.

Segundo a Caras Online, a apresentadora, junto de seu colega Michael Christian, continuam sendo alvo de críticas dentro e fora da emissora por terem ligado há sete meses para o hospital King Edward VII, em Londres, onde Kate Middleton se encontrava internada. Após se passarem pela rainha Elizabeth II ao conversar com uma enfermeira, conseguiram a informação da gravidez da duquesa.

O trote tinha como objetivo descobrir sobre a gravidez da duquesa, mas acabou tendo graves consequências, pois a enfermeira vítima do trote, Jacintha Saldanha, não aguentou a pressão e acabou cometendo suicídio poucos dias depois.

Christian e Grieg foram duramente criticados após o ocorrido chegando a sofrer ameaças de morte. Ambos foram afastados da rádio por alguns meses.

Informações: portalimprensa.uol.com.br
Reações:

Nenhum comentário:

Claro leitor seu comentário será analisado antes de ser publicado.

Seu comentário não pode ter:
*Palavras ofensivas;
*Frases que indiquem a promoção ou a despromoção pessoal;
*Desqualificação intencional a esse blog;

Quaisquer duvida deve ser encaminhada a nossa redação através da pagina contato com preenchimento obrigatório dos dados pessoais

| Copyright © 2013 Radiofusores Fm.com